fbpx

Como o gato se comunica: entenda seu querido bichano!

Qual o tutor que nunca se questionou sobre o que seu bichano está pensando ao se expressar por meio de algum som ou movimento? Agora, você pode entender melhor como o gato se comunica!

Para tentar desvendar esse mistério, cientistas fizeram um estudo que foi publicado pela New York Magazine, na sessão Science of Us. Acompanhe as informações e saiba o que seu gatinho está querendo dizer.

Como o gato se comunica ao ronronar

A primeira análise de comunicação dos gatos se concentrou no ronronar dos felinos. O estudo revela que o significado desse conhecido som quer dizer que o animal deseja continuar na companhia do tutor.

A crença de que um pet que ronrona está feliz é real. No entanto, o ruído também pode ter outros significados, indicando que o gatinho está machucado ou doente, por exemplo.

Portanto, ao ronronar, um gato pode dar a entender que está feliz ou que precisa de ajuda para se curar. Em qualquer um dos casos, ele deseja que você continue por perto!

O chiado na comunicação dos bichanos

O chiado dos gatos também foi analisado no estudo sobre como os gatos se comunicam, e revela que esse som específico é um péssimo sinal para quem ficar por perto.

Segundo a pesquisa, quando o felino chia alto, tenta avisar que algo o incomoda ou que está prestes a atacar. Afinal, ele não gosta de confrontos e prefere evitar o contato físico.

Por isso, se um felino te olhar e emitir um belo chiado, afaste-se, pare de fazer o que está fazendo e abra caminho para que ele também possa se afastar ou fugir.

Como os gatos se comunicam através dos miados

Apesar de ser o som mais conhecido, o hábito de miar revelou as informações mais interessantes do estudo. Prova que, quando um tutor diz que é o único que conhece o significado do miado do gato que tem em casa, ele provavelmente está certo!

De acordo com a análise, os felinos raramente usam miados para se comunicar com outros da mesma espécie. O miar dos gatos serve como forma de comunicação com os seres humanos.

Dessa forma, o pet cria diferentes tipos de miado para indicar que está com fome, tédio ou até pedir ajuda. Até mesmo a sonoridade do barulho muda, com variações de acordo com os hábitos do tutor. Não é o máximo?

Os movimentos indicam como o gato se comunica

Os movimentos também são utilizados pelos gatos como forma de comunicação. Foi observado o ato de balançar rapidamente o rabo de um lado para o outro, além do hábito de se esfregar nas pernas das pessoas.

Segundo a pesquisa, o abano frenético da cauda indica que ele não se sente seguro e teme alguma ameaça. Por isso, fica em modo de ataque.

No caso dos gatos que se esfregam nas pernas de alguém, a ação indica que o pet sentiu falta da pessoa. Esse comportamento também é comum entre os felinos selvagens quando retornam ao habitat depois da caça.

Fonte: Petz