fbpx
  • O 1º comedouro
    biodegradável e atóxico
    do Brasil

    COMPRAR

  • Já conhece o
    Patalimpa?

    COMPRAR

  • Não polui o meio
    ambiente

    COMPRAR

  • Não deixa resíduos

    COMPRAR

  • É muito mais seguro
    para a saúde do seu pet.

    COMPRAR

  • Faça o seu pedido
    agora pela nossa loja online!

    COMPRAR

  • Pense verde. Sonhe alto.
    Mude o mundo.

    COMPRAR

Compre sem sair de casa!

R$ 45,00

R$ 45,00

Bowl Grande - 1.500ml
R$ 35,00

R$ 35,00

Bowl Pequeno - 500ml
Preço sob consulta

Preço sob consulta

Patalimpa + 1 Refil

Verão é época de pulgas?

Verão é época de pulgas?

Como se não bastasse toda a nossa preocupação relacionada às altas temperaturas, ainda temos que nos atentar com a possível presença de pulgas em nossos pets, pois com a chegada do verão, a chance deles contraírem esses parasitas aumenta consideravelmente.

Sim, o verão é a famosa “época das pulgas”. O clima quente juntamente com a umidade gerada pelas chuvas típicas da estação é a fusão perfeita para aumentar a proliferação desses pequenos encrenqueiros, responsáveis por causar muita coceira e, possivelmente, problemas de pele, além de algumas outras complicações.

Cuidado redobrado!

Até mesmo os cachorros ou gatos que não saem de casa estão à mercê das pulgas. Isso porque nós mesmos podemos carregá-las para dentro do lar. Às vezes, um cachorro que você interagiu na calçada estava infestado e algumas pulgas acabaram entrando em suas roupas ou sapatos. Ou até mesmo o gato do vizinho que vive passeando pelo seu telhado pode ser o responsável – são vários cenários.

Dessa forma, fica impossível saber de onde vieram as pulgas encontradas andando pelo corpo do seu pet, não é mesmo? Então, a melhor alternativa é a prevenção. 

Cuidados no ambiente

Um erro bastante comum entre os pais humanos é achar que a maioria das pulgas se encontra no corpo do pet. Assim, eles direcionam todas as armas no combate aos parasitas para o local parcialmente errado, já que o ambiente é o lugar onde elas se proliferam e estão em maior parte.

Se já são famosas por se multiplicarem rapidamente, no verão, a velocidade é ainda maior. Casas que possuem carpetes, jardim, tacos e tapetes que dificilmente são higienizados contribuem ainda mais para a proliferação. Portanto, é preciso redobrar a atenção à higiene do ambiente e investir nos produtos necessários para acabar com esses parasitas.

Por mais que encontre alguma pulga andando pelo corpo do seu pet, o ideal é garantir que o ambiente não seja o ideal para continuarem se proliferando.

Fonte: Petlove

Leia mais...

Dicas para a virada do ano com pets

Dicas para a virada do ano com pets

Uma prevenção caprichada vai reduzir bastante a chance do seu cachorro ter uma crise de ansiedade ou ficar apavorado na hora do foguetório, porém, é sempre bom saber o que pode e o que não pode ser feito caso o peludinho se desespere na hora H.

A dica mais simples (e que costuma funcionar bem) é apenas seguir agindo naturalmente. Cumprimente os familiares, vá pegar mais um pouco de comida ou bebida, envie uma mensagem para alguém pelo celular etc. Ao mostrar que você não está nem um pouco preocupado com o barulho e as luzes vindos de fora, o cachorro tende a se sentir mais tranquilo e confiante de que está tudo bem.

Leia mais...

Cachorro gosta de música?

Cachorro gosta de música?

Cachorro gosta de música? 

A importância da música para nós, seres humanos, é inegável. Por meio dela, contamos histórias que atravessam gerações, dançamos na companhia de outras pessoas, ninamos os recém-nascidos e por aí vai. Mas e quanto aos filhos de quatro patas, será que cachorro gosta de música?

Diversos estudos apontam os benefícios da música para a redução da dor e da ansiedade. Além, é claro, de ser muito mais prazeroso fazer certas atividades com trilha sonora, como a faxina ou o deslocamento para o trabalho. A seguir, veja como isso funciona para os pets.

Leia mais...